NRF, Teias de Relacionamentos e Futuro Conectado

por | 15 de fevereiro de 2024 | Com a Palavra | 0 Comentários

A NRF, National Retail Federation, não é apenas sobre varejo e tecnologia, mas sim uma grande oportunidade para fazer networking e entender as tendências para criar mais relações no futuro.

Neste ano, pude perceber que muitas das tendências e tecnologias que eram promessas e pareciam utopia nas edições anteriores da NRF, estão virando realidade rapidamente, como por exemplo o avanço da Inteligência Artificial, sobre a qual não vou escrever muito aqui devido a quantidade absurda de texto, “lives” e conteúdos tops sobre isso! Desconfio inclusive que muitos destes foram escritos, feitos ou revisados por uma delas.

Networking

Voltando aos vínculos entre as edições, o mesmo acontece com os relacionamentos e networks desenvolvidos ao longo dos anos, que nem sempre pareciam combinar, mas que depois de algumas edições se transformam em oportunidades e negócios.

Parafraseando a expressão, “diga com quem andas ou onde vais que direi quem você é”, ainda mais em um mundo cada vez mais conectado, plugado e linkado, a presença em eventos como a NRF faz com que sejamos mais observados e analisados pelos participantes, mercado ou interessados.

E de repente, após um destes eventos, é bem comum que sementes de negócios se conectem como num passe de mágica, passem a gerar belos frutos. Aqui, vale dizer que isso efetivamente já aconteceu conosco aqui da Fintech Justa.

Como dica, todo ano faço um mapa de relacionamentos e deixo anotadas as principais conexões geradas, para que as compare com as dos anos anteriores e seguintes, assim consigo avaliar as influências que estas tiveram nos negócios gerados ou impactos em nosso ecossistema. Busco colocar e separar por grupos de interesse e oportunidades que façam sentido. Sendo certo que podem mudar de grupo com o passar dos anos, devido ao desenvolvimento, maturidade e/ou momento de cada parte.

Muitos destes, insisto, que em determinados anos não tinham quaisquer oportunidades reais, mas nos seguintes já passavam a fazer mais sentido em ter uma relação mais próxima e/ou desenvolvimento de alguma ação específica.

Pontos de interseção

Um outro ponto que vale muito é abrir a mente, ouvir e interagir com o máximo de conteúdos diferentes e buscar pontos de interseção entre eles, para ajudar a entender melhor as tendências do mercado e do mundo, pois como citei acima com tudo tão conectado, é essencial ter nesta uma visão holística, pois auxilia demais nas tomadas de decisão e em nossa evolução pessoal e profissional.

Para não dizer que não falei da NRF em questão, o que mais me impressionou foi o quanto a IA impactará nossas vidas e negócios no futuro próximo, que será uma grande aliada de quem as souber utilizar e uma grande ameaça para aqueles que a negligenciarem!

IA Pessoal

Finalizo com a afirmação mais recorrente que todos nós, no futuro, teremos em nosso dia a dia uma IA pessoal. No meu caso, garanto que meu assessor/ avatar, para ser “contratado”, deverá ter ótimo senso de humor, adorar gente e obrigatoriamente terá que ser tricolor (carioca)! Aproveito para agradecer a todos stakeholders pela maravilhosa companhia nestes eventos e podem ficar certos que continuarei indo com vocês, mas quem sabe em breve que nossos avatares possam se relacionar tão bem quanto nós, mas acho pouco provável.

Obs: sim, este texto foi escrito por mim, em carne e osso, inspirado e apoiado pelos “networkers” e com uma revisão da minha IA, que tanto admiro!


Eduardo Vils
Empreendedor, crítico bem-humorado do status quo do mercado financeiro, palestrante, investidor de startups e sócio fundador da fintech Justa! Carioca, tricolor, goleiro, casado com a Cláudia e pai da Bruna e Thiago

Tags

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Governança, Gestão Intangível e Perícia Contábil

Governança, Gestão Intangível e Perícia Contábil

A necessidade de ter governança corporativa para controlar ativos intangíveis é fundamental nos negócios modernos. No contexto das fintechs, que são empresas financeiras inovadoras que usam tecnologia para fornecer serviços financeiros, a governança corporativa é...

Reforma Tributária e o regime de “serviços financeiros”

Reforma Tributária e o regime de “serviços financeiros”

Após longo período de discussões, a reforma tributária sobre o consumo foi promulgada pelo Congresso Nacional ao final de dezembro de 2023, por meio da Emenda Constitucional (“EC”) nº 132. O objetivo da reforma foi simplificar o sistema de arrecadação por meio da...

Open Finance: Após Pix e DREX, BCB vai criar Super App?

Open Finance: Após Pix e DREX, BCB vai criar Super App?

Muito se tem falado, nos últimos tempos, sobre a criação de um Super App, um agregador financeiro que permitiria a reunião, em um único aplicativo, de informações financeiras de todas as instituições com as quais se tenha relacionamento, possibilitando a efetivação de...